British Petroleum


Um desastre natural megalómano está a acontecer neste instante. Desde o dia 20 de Abril que mais de 5.000 barris de crude são derramados no Golfo do México todos os dias pelo colapso da plataforma da BP. Apesar dos esforços por parte das entidades norte-americanas e da empresa britânica, ainda não se chegou a uma solução efectiva e, durante estas últimas cinco semanas, inúmeros quilómetros de costa, habitats, animais, plantas, água têm sido destruídos. Há 22 mil pessoas a trabalhar na região, tentando atenuar os efeitos do derrame. 17 países e organizações já ofereceram ajuda mas, até agora, a BP só aceitou a ajuda do México e da Noruega nas operações de controlo da fuga de petróleo. 


Não julguemos nós, aqui longe, que não vamos sofrer consequências disto. Podem ver uma reportagem fotográfica impressionante aqui. E mais aqui.

*xuac*

Partilhar

Publicada porPedro José  

1 comentários:

Luy disse... 01/06/10, 12:21  

É inaceitável que hoje em dia ainda aconteçam castástrofes com petróleo como esta.
Lembro-que que nos anos 80 haviam notícias de derrames por falhas em petroleiros quase todos os meses...!!!
Não aprenderam nada com os erros do passado. Quem paga a factura é o ecossistema, porque a BP não terá problemas em ir buscar lucro a outros sítios.

Enviar um comentário