Hoje - Amália Hoje

Isto não é uma crítica. Como já é sabido, o projecto Amália Hoje é um dos maiores sucessos deste ano em Portugal, tendo o álbum mantido a posição de liderança durante várias semanas. O vídeo do primeiro single já passou, inclusivé, por aqui.

Apesar da euforia e do forte apoio do público (em que eu também me enquadrei de início), aqui fica o meu problema com este projecto:

O seu calculismo. É verdade que gosto do álbum, mas quer-me parecer que todo ele se aproveita da redescoberta de Amália nos últimos anos com musicais e filmes e documentários. Esta lógica é tão mais óbvia e explícita quando o cérebro do projecto, Nuno Gonçalves, admite, em entrevista ao Jornal 2 aquando do lançamento do disco, desconhecer muitos dos clássicos de Amália até se prestar a este projecto.

E se esta mera justificação pode fazer com que surja algo de qualidade, dificilmente irá ultrapassar algo genuinamente sincero.

Reconheço a qualidade técnica do álbum (embora o recurso às orquestrações seja um pouco repetido e, arrisco-me, cliché) mas o detalhe da origem, da motivação desilude-me... um bocadinho demais.

Partilhar

Publicada porPedro José  

0 comentários:

Enviar um comentário